Diferenças entre o Brasil e o Canadá: Mudanças

Um dos eus divertimentos favoritos é observar tudo que é diferente no Canadá quando comparamos com o Brasil.  Quero chegar a “1000 coisas –  Diferenças entre Brasil e Canadá”.

Hoje vou falar sobre Mudanças!
_ Como se faz mudança no Canadá?

_ Fazendo ora pois…. (como já diria minha avó….)

Uma coisa BEM legal aqui no Canadá é que tudo é tão simples e descomplicado que a mudança é você mesmo quem faz!

A simplicidade já começa não precisando transportar equipamentos pesados e que requerem instalação, como é o caso de fogão, geladeira, máquina de lavar louças, máquina de lavar roupas, secadora… Esses eletrodomésticos já fazem parte do imóvel. Você não vai precisar transportá-los. Eles já estarão no novo imóvel (seja casa ou apartamento) esperando por você!

O que sobra para ser transportado são móveis, objetos pessoais, roupas e louças.

Os móveis em geral são simples de serem desmontados, já que, na América do Norte, quase tudo que é feito com madeira é pensado de forma a facilitar a vida de quem está querendo se mudar. Uma coleção de chaves de fenda de diferentes tamanhos e você, com certeza, vai transformar aquela estante grandona num monte de tábuas muito simples de levar para lá e para cá…

É raríssimo você ver aqui um “caminhão de mudança” como a gente vê a toda hora no Brasil. Em geral, quando vemos os caminhões de mudança, são pessoas que estão se transferindo em “longa distância” (tipo indo ou vindo da costa leste, por exemplo, que requerem dias e dias na estrada).

Para as mudanças “locais” ou “quase locais” (cidades próximas), o que se faz é alugar um carrinho da U-haul ou da Penske (e outras), e a própria pessoa faz tudo! É comum chamar uns dois a três amigos para ajudar pois assim a mudança acontece de forma ainda mais rápida.

O aluguel desses pequenos trucks (ou até vans, se você tiver muito pouca coisa) é baratíssimo e por muito pouco dinheiro a sua mudança acontece!

Há ainda menor risco de quebrar objetos porque você, com certeza, vai embalar tudo com muito mais carinho do que os funcionários da firma de mudança lá do Brasil! 🙂

Nós fizemos mossa mudança aqui dessa forma,  e na época a gente não conhecia nem uma almazinha aqui em Vancouver!

Fizemos todo o trabalho sozinhos, ficou tudo muito mais organizado do que quando a gente se mudava no Brasil onde às vezes tinham sete caras correndo ao mesmo tempo, cada um com uma caixa enorme na mão e perguntando “madame, a senhora quer que ponha essa caixa aonde?”. E eu lá ia saber? Só ia dizendo “larga por aí mesmo” e depois ficava dias até decifrar aquele quebra cabeças de pacotes sem fim! (e vamos combinar que “madame” é a PQP, ok?)

Aqui não… tudo separado com cuidado… tudo etiquetado… ficou tudo muito fácil! J Fora que… foi muito divertido nós mesmos sermos os responsáveis por todo o trabalho. Sem falar que o  custo  foi aproximadamente  1/10 do que teríamos gasto com uma mudança no Brasil!

Sem falar o fator status, né? Já pensou você no Brasil chegar no prédio novo…. você e a sua cara-metade pilotando o caminhãozinho da mudança e vocês mesmos subindo no elevador com as caixas e a montoeira de cabides com roupas??? OLHA QUE MICO, não é mesmo???

Claro…. O Brasil  é o país dos “ricos” e das “aparências”! Você não pode carregar a sua própria mudança porque o porteiro e os vizinhos vão pensar que você é pobre. Verdade ou mentira????

Mas aqui no Canadá não… aqui TODO mundo transporta seus próprios cacarecos e ninguém está se lixando se você é pobre, rico, ou riquíssimo.

Aqui a cultura é a de não jogar dinheiro fora. E se você tem dois braços e duas pernas, você com certeza pode fazer a sua mudança.

Ou seja, as coisas no Brasil não funcionam porque não funcionam mesmo (êta filosofia) e também porque o brasileiro já nasce preocupado com o que o outro vai pensar, ou “o que vão achar”, e mais ainda, o brasileiro se acha no dever de mostrar que está “por cima da carne seca” o tempo inteiro.

Daí as empresas de mudança “top” (vocês sabem quais são, não vou falar o nome porque não quero ninguém me processando kkk), mas é por isso que a F…k  e a M…n cobram o que querem e bem entendem. Sempre vai haver um otário para pagar a conta abusiva!

Aqui no Canadá, para transportar os objetos pequenos você pode apanhar caixas vazias no supermercado (o Costco e o Superstore costumam ter caixas ótimas). Uma outra opção é alugar caixas de plástico (já vêm higienizadas) e devolver depois do uso. A Frogbox é uma empresa que presta este serviço aqui em Vancouver. Depois que você não precisar mais das caixas basta telefonar e eles irão à sua casa para recolher. É barato, prático e você consegue fazer a mudança de forma bem organizada.

Outra coisa que você irá reparar é que no Canadá os prédios têm elevadores enormes. Nada comparado ao Brasil em que fazem um prédio “mega-luxuoso, prédio de um apartamento por andar, com vista para a casa do cacete” e a meleca do elevador de serviço mal cabe o pinto do engenheiro projetista dentro!

Sei bem disso porque como arquiteta trabalhando na selva no Brasiu-iu-iu durante “duzentos anos” eu via a crueldade que era quando frequentemente o espelho, ou o sofá ou o colchão ou a mesa de centro não cabiam no elevador e a galera que fazia o transporte tinha que subir dez, quinze andares várias vezes ao dia __ durante uma mudança __ para dar conta de transportar as tralhas do cliente! Isso é pior que trabalho escravo!

Isso quando os objetos não “encalhavam” na escada e tinham que ser içados por corda, a preços astronômicos. Já vi muita gente ter que pagar mais para subir um sofá por corda do que o preço do sofá! Não parece piada isso?

Moro no Canadá há quase três anos e NUNCA vi uma mudança subindo por corda. Aliás, nem pela escada. Tudo cabe no elevador!

Por que os legisladores da selva do Brasil não criam uma lei que obrigue todos os prédios construídos a partir de hoje a terem uma dimensão mínima no elevador de carga, e essa dimensão (largura x comprimento x ALTURA) seja tal que possibilite uma mudança confortável a todos????

Esses vereadores, deputados e senadores vivem viajando. Vai me dizer que eles nunca repararam o tamanho dos elevadores durante suas viagens ao exterior????

Mudança no Canadá é rápida, barata e é do tipo “faça você mesmo”. Você nunca mais vai querer mudar de outra forma, acredite!

Ah sim, se você for dessas pessoas ainda com frescurinhas à “La Brasil” do tipo “Ahhh… imagina…. eu carregar móvel…. nem moooorta…” ok, tem salvação para você também: Há pessoas que colocam anúncio na Craigslist se oferecendo para fazer mudanças.

Precisar não precisa, mas se você quiser… corre lá! 🙂

Como foi a última mudança que você fez?  Conta pra gente!  🙂

Se quiser ler todas as “Diferenças”  já publicadas, tudo que é diferente quando comparamos o Brasil com o Canadá, visite esse link:  http://bit.ly/1H6950s

Advertisements

About CeciliArchitect

World Traveler ~ Photographer ~ Social Media Specialist ~ Tourism Vancouver Certified Specialist ~ Independent Tour Manager and Events Coordinator ~ Blogger ~ Architect & Interior Designer (in my previous life)
This entry was posted in Posts em Português and tagged , , , , , , , , , , , , , , , , . Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s